5 dicas de como otimizar a gestão de estoque da sua clínica

5 dicas de como otimizar a gestão de estoque da sua clínica

Afinal, no âmbito da medicina, a grande maioria dos materiais é descartável e precisa ser trocado com frequência, o que exige maior atenção ao estoque. A falta de um material pode prejudicar um atendimento e até mesmo causar problemas na rotina de consultas.

Para manter o estoque sempre em ordem, tomando cuidado inclusive com vencimentos – medicamentos e a grande maioria dos produtos médicos tem prazo de validade – você pode seguir algumas dicas, como:

1. Saiba o que é indispensável na clínica

Você precisa entender o que mais utiliza na rotina da clínica médica. O que seus pacientes precisam e o que você precisa ter para garantir um bom atendimento. Tendo listado esses elementos, é preciso que eles estejam sempre no estoque.

Assim, na hora de realizar o controle de estoque o foco maior pode estar nesses materiais importantes, pois você sabe que a falta deles prejudica o funcionamento da sua clínica.

2. Faça inventários

O ideal é ter uma pessoa que se responsabilize por isso, anotando a quantidade existente no estoque e também produtos que estão próximos de perder a validade.

Esse inventário deve acontecer no mínimo a cada 15 dias, de forma a garantir que tudo fique organizado e também que você possa fazer novos pedidos de materiais e remédios.

3. Mantenha seu estoque organizado

Organização é a chave de tudo, então mantenha seu estoque em ordem. Cada material deve ter seu devido lugar e os remédios devem estar separados de acordo com a função e também data de validade.

O mesmo deve ser feito com qualquer outro produto que tenha um prazo de vida útil. Os mais próximos de vencer devem ser utilizados enquanto que os outros podem ser guardados mais distantes.

A organização também é ótima para ajudar na hora de fazer o inventário.

4. Avalie a saída de materiais e medicamentos

Tenha anotado em algum lugar exatamente quanto de cada material ou medicamento sai diariamente – ou ao menos semanalmente. Assim você saberá aquilo que mais é utilizado e exige compras mais frequentes.

Essa é uma forma de evitar a falta de algum medicamento ou material utilizado na clínica.

5. Invista em um software de gestão
O software médico pode ser utilizado na clínica com o intuito de ajudar no controle de estoque. É nele que você irá anotar dados de saída e entrada de qualquer insumo. E em todos os aspectos citados acima, será o meio em que essas informações vão dar entrada.

O sistema médico, vai de acordo com como funciona a rotina da sua clinica. A ideia principal é trabalhar com um serviço que ajude a clínica como um todo, incluindo a gestão de estoques.

Como você pode perceber, algumas atitudes ajudam a otimizar a gestão de estoques de sua clínica, ainda assim, o uso de um software médico pode vir a ser um grande diferencial nessa tarefa.

Saiba mais sobre o tema, continue em nosso site para ler mais artigos!